WHO IS ANNA WILLIAMS?

BEFORE YOU READ: THIS IS NOT A PRO-ANA OR PRO-MIA SITE. HOWEVER, I DO RESPECT AND OFFER COMFORT AND SUPPORT TO THOSE WHO SUFFER FROM THOSE EATING DISORDERS. THIS BLOG IS ABOUT MUCH MORE THAN JUST FOOD AND WEIGHT ISSUES. ANTES DE LER: ESTE BLOG NÃO É PRO-ANA OU PRO-MIA. NO ENTANTO EU RESPEITO E OFERECO CONFORTO E APOIO PARA AS PESSOAS QUE SOFREM DESTES TRANSTORNOS ALIMENTARES. ESTE BLOG É MUITO MAIS QUE APENAS UM BLOG SOBRE COMIDA E PROBLEMAS COM PESO.

WHO AM I?

My internet name is ANNA WILLIAMS: a tribute to my best friend in middle school, whose name is ANNA and to women I admire and my dad admired (he passed away in 2003) : Serena Williams, Venus Williams and Vanessa Williams (the first two are tennis players, the latter is an actress, but she is also a singer and she lost her title as Miss America for ludicrous reasons. Yes, they're all black women. No, I'm not related to them, neither do I even look like them. They are all amazing in their own way, but I AM WHAT I AM, my own special creation. I look like my mom, dad and family members)
I am a 40-year old woman who has lived in 4 different countries(USA,Australia,New Zealand, currently in Norway)learned 3 languages besides her own (Spanish,English,Norwegian)and has enjoyed a little bit of modeling, lots of traveling, heaps of teaching and learning... I am educated as an EFL and ESL teacher and I have a Masters in Education in English Literacy. I am Brazilian: a mixture of Polish, Indigenous Brazilian and Black Brazilian. I am a person, not a color.
Modeling was just a hobby. I was NEVER a super or top model. I don't even fit the characteristics. I am 5ft4 - 5ft6 (not sure because I've been measured several times and I come out looking taller or shorter depending on where I am measured. I'm ALWAYS MEASURED WITHOUT SHOES , so it's not that) While modeling I weighed 96 - 137 pounds and ironically enough got more jobs when I was at the heaviest end of the scale. I was NEVER FAT, but I do have a latent eating disorder. Don't try to understand me. If you read this blog you will realize it's about my relationship with food and also about who ANNA WILLIAMS is. My alterego, my internet persona who helps me cope with everyday situations. I spend 99% of my time with my daughter. I leave www.justin.tv on as background noise when I'm at home and in between chores sometimes I browse through channels and even talk to people, but my main occupation is MOM:-) I also have a job at a hotel as ''extra help'' and at a school as a substitute Spanish teacher. But my degree is in ENGLISH and LITERATURE in that language.

If you like me and want to see my videos go to my youtube channel www.youtube.com/safiwantstolive and also follow my justin.tv channel www.justin.tv/safi_anna . I am not a porn star, stripper or any other kind of sexually oriented professional. None of my ''shows'' are sexual. If you interpret them that way, you're a fucking loser.

It's ok if porn stars want to make money that way. I respect them as I respect strippers, but I am not and never have I been in those professions. I was a model for a while and I am highly educated, never needed to struggle for money because my parents in Brazil supported me financially. My father was an engineer who went to university for 6 years, my mother is educated as a teacher and they gave me the best upbringing a person can have.

Yes, I wear tiny clothes and bikinis. My Brazilian culture allows me to do that in a natural way and it really doesn't have anything to do with sex. Again, if you think it does, you're a loser.

I also do shows on battlecam, none of them are sexual either. People who masturbate to random women who are moving around in a non-sexual way and singing on the internet, whether they are in a bikini or in regular clothing are mentally disturbed. That's just my opinion.

I don't need or want your attention, to be perfectly honest with you: my least favorite part of all channels (tinyshit, jtv, battlecam, etc) IS THE CHAT ROOM. People either suck up too much or they insult you. There are very few nice/regular people to talk to. I don't like small talk, my shows are my time to express my creativity. People who come in with ''Hi, Anna! How are you today?'' sometimes don't realize that.

The third season of my show, HOWEVER, was ALL FOR THE FANS. I HAVE BEEN CHATTING MORE AND DEDICATING MORE TIME TO THE CHATTERS, VIEWERS AND FANS WHO CARE ENOUGH TO FOLLOW ME ON THE INTERNET THROUGHOUT ALL DIFFERENT STREAMING SITES:-)

www.battlecam.com/anna_williams

SIGLAS

SIGLAS QUE EU USO MUITO NOS MEUS POSTS
LF low food (literalmente ''baixa comida'' - pouca comida)

NF no food (literalmente ''não comida'' - nenhuma comida)
SF days semi fasting days (literalmente '' dias de semi-jejum) Este eu tive que inventar porque como eu não fico 24 horas sem comer, não tenho permissão das hardcore anas para usar o termo NF:-) risos*
RA Reeducacão alimentar
TA Transtorno alimentar
AF Atividade Física

Seguidores

Newscaster as a teenager

ANNA WILLIAMS ON LIVESTREAM

ANNA WILLIAMS ON VAUGHNLIVE.TV

ANNA WILLIAMS ON TINYCHAT

ANNA WILLIAMS ON TWITTER

MAYBE SOME DAY IT WILL BE BACK. FINGERS CROSSED.

De onde estão lendo o meu blog?

sexta-feira, 18 de abril de 2014

Brasil, dois quilos, churrasco, das antigas, resgatando meu eu de antes de 2012




Estou feliz em família, me divertindo com os amigos, sempre de maneira responsável e digna. Sou uma pessoa decente, trabalhadora e vim para o Brasil apenas para ficar com família e amigos.

Aqui em Belo Horizonte estou aproveitando para conhecer o novo perfil da cidade. A última vez que vim aqui foi há quase duas décadas e BH mudou muito.

Meu irmão mora num bairro nobre da cidade e me sinto segura. Uma das coisas que mais estou aproveitando realmente é o calor.

O único ponto ruim é que já engordei 2 quilos com tanta comida!

Mas perder dois quilinhos quando voltar para a Noruega não será problema! Tenho que ter bastante auto controle para não engordar mais que estes dois quilos.

Eu só queria mesmo comer pipoca doce, acarajé e o famoso bife com fritas brasileiro! Pronto! Agora acabou, gorda! ACABOU! CHEGA DE COMER!

Tenho um churrasco amanhã e vou apenas beliscar e vou ficar na piscina o dia inteiro nadando com minha sobrinha, correndo atrás dela, brincando e queimando diversas calorias!

Lia, Tatis, Sick,Talita, Ju, Renata, Menino, CrisFit, todos vocês ''das antigas'', obrigada pelos últimos 6 anos e todo o apoio! Em agosto oficialmente este blog faz 6 anos. Agora estou voltando a ser a mesma pessoa que eu era antes de 2012. Preciso resgatar meu eu!

quarta-feira, 16 de abril de 2014







Fotos minhas a caminho do Brasil.Passei por Amsterdam e depois de chegar ao Rio De Janeiro eu tomei outro voo para Belo Horizonte onde estou agora com meu irmao. Minha mae e minha sobrinha chegam amanha.Estou curtindo o amor da minha familia.


sábado, 12 de abril de 2014

Queridas leitoras e leitores, sorriam mesmo que seus corações estejam doendo e quebrados em pedacinhos. Sempre há esperança

Queridas leitoras e leitores que acompanham meu progresso, meus desafios, fracassos e triunfos nos últimos quase 6 anos,

Sorriam, sorriam, sorriam!

Eu estou passando por uma fase na qual algumas coisas estão maravilhosas e outras estão uma BOSTA AZUL. O que eu estou fazendo para lidar com tudo isto? Estou sorrindo e dando gargalhadas com minha filha, trabalhando pra caramba, caminhando, malhando, fazendo meus abdominais diários, ORANDO MUITO e PEDINDO A DEUS OS SINAIS QUE EU PRECISO PARA SEGUIR EM FRENTE.

Cometí erros em minha vida. Todos nós fazemos isto. Somos humanos. Estou olhando no espelho todos os dias e reconhecendo a pessoa que eu era antes de cometer certos erros. Gostaria de voltar no tempo e eliminar tudo o que aconteceu de ruim na minha vida. Infelizmente não posso fazer isto.

Então estou pedindo perdão a DEUS por todos os pecados e seguindo em frente tentando me tornar uma pessoa melhor.

O processo dói muito. As vezes eu me sinto punida por aqueles que se acham no direito de me punir, como se eles fôssem os donos da verdade. No entanto, devo dizer que eu só acredito na hora justa de DEUS. É ele quem vai me julgar algum dia e não há pessoa nesta Terra que vai me xingar, me botar pra baixo como se eu fosse um nada no Universo. Resolvi que vou sempre levantar a cabecinha e caminhar sempre determinada a vencer.

Estou muito bem no momento. Estou magrinha (o que interessa ao blog :-) ha ha ha!), estou com 3 empregos e agora só falta entrar a grana porque dinheiro é muito importante para minha independência financeira, minha filha está linda maravilhosa e muito inteligente... Não tenho do que reclamar. Então por que estou sentindo esta dor imensa no peito?

Ao invés de tentar responder, eu vou continuar determinada a caminhar pra frente e não para trás. Chega de ser pisoteada, achincalhada....CHEGA DE LEVAR PEDRADA NA CARA! Eu tenho o merecimento de ser feliz.

O meu melhor pode não ser o suficiente para uns, mas para outros pode muito bem ser.

Posso ser feia para uns e linda para outros.

Posso ser burra para uns e inteligente para outros.

Posso ser um tédio para uns e super interessante para outros.

VOU CORRER ATRÁS DE QUEM ME AMA E TIRAR DE MINHA VIDA QUEM NÃO ME QUER, QUEM ME QUER MAL, QUEM ME FAZ SOFRER :-)

Vou pro Brasil daqui a 3 dias! Tô feliz em ver minha família, mas triste em mais uma vez deixar minha filhinha para trás por alguns dias. Como meus planos MUDARAM, serão apenas alguns dias. Talvez tenha sido este o DESEJO DE DEUS! Então vou pensar assim!

Escutem esta música escrita por Charlie Chaplin e sorriam porque vale a pena sorrir para esconder e muitas vezes eliminar a dor :-)

https://www.youtube.com/watch?v=M6bubOSDHf8

sábado, 5 de abril de 2014

Cafeína, magra normal vs magra anoréxica, trabalho trabalho trabalho trabalho trabalho (sem vírgulas in between! SIM)


Acordei ás 4:51 hoje e vim direto para o computador para ler e me preparar para meu trabalho amanhã. Eu estou com um novo emprego de tradutora intérprete para uma firma. Nesta firma eu traduzo manuais, brochuras, livros e todo o material que eles usam para dar cursos nas áreas específicas de atuacão dela. As traducões são do Norueguês para o Inglês. Este trabalho é muito bom e eu estou ganhando consideravelmente bem para fazê-lo. Seria ainda melhor se eu tivesse mais horas. Mas não vou reclamar. Deus me deu esta oportunidade e eu vou agarrá-la com toda a coragem.

Eu amanhã vou ministrar um dos cursos que eu assistí duas vezes e cujos manuais e livros eu traduzí. Por isto estou lendo tudo novamente, para ficar com tudo fresquinho na cabeca para amanhã. Eu já tinha combinado com minha chefe no outro emprego no hotel que eu trabalharia este fim de semana e não tive muito tempo livre por isto.

O que eu não estou gostando muito esta semana é que tenho tomado muito café e isto não faz bem. Quando eu tinha meus 20 anos eu tomava 12 xícaras de café por dia. No Brasil, no meu trabalho como professora de Inglês no IBEU Vitória e Vila Velha, sempre no horário de pausas havia cafezinho. As vezes durante as aulas, ficava uma xícara de café na mesa do professor também. Eu em 1994 fiz um tratamento psicológico para stress e ptsd e o café foi retirado da minha dieta durante o ano inteiro. Depois daí, eu nunca mais tomei 12 xícaras por dia. Eu diminuí bastante.

Hoje em dia no máximo 2. Só que lá na firma onde estou fazendo este trabalho de tradutora intérprete, eles tomam café o dia inteiro e me oferecem. Eu acabei tomando 3 xícaras outro dia.

Quando eu estava anorexicamente magra, eu tomava café com adocante como substituicão das minhas refeicões e durante o resto do dia eu tomava água, coca light ou qualquer coisa sem calorias em forma de líquidos. Isto me fez um mal muito grande. Eu estava magra igual a um palito, linda mesmo, mas a minha saúde estava péssima. Eu não tinha um minuto de sossego. Vivia agitada. Tinha energia para fazer 4 horas de ginástica localizada por dia. Eu ia 6.30 da manhã para a primeira aula da academia, depois ia pra faculdade e ao sair da faculdade, na hora do almoco de 11:30 ao 12:30 eu fazia a segunda aula do dia.. Ia para o Ibeuv e trabalhava de 1 as 5 da tarde, Corria pra academia e fazia uma aula de 5 as 5.35 (saía antes dos abdominais e bumbum) e corria de volta para o IBEUV para dar aula as 5:45.. Trabalhava até as 8.15 da noite e saía correndo para fazer a aula de localizada das 8.30 as 9,30 da noite.

Eu chegava em casa , corrigia provas, trabalhos e estudava para a faculdade e depois ficava a noite inteira com o video cassete ligado assistindo filmes ou lendo porque não conseguia dormir. Além do café eu tomava remédios para emagrecer fortíssimos que me deixavam mais agitada.

Eu era linda. Eu era magra ao ponto das pessoas se preocuparem comigo porque eu parecia tão frágil. 40 e poucos quilos com 1.65m mais ou menos. Mas feliz eu não era. Vivia nervosa. Brigava com todo mundo. O único foco que eu tinha era no trabalho.

Este consumo de cafeína aumentando esta semana me lembrou de tudo isto. Estou com 56 kgs hoje. Estou magra, estou naquela classificacão de magra normal e de gordinha não sou chamada, mas sei que estou longe de ser a magra anoréxica que eu fui. Isto as vezes me deixa mal, como se eu tivesse fracassado.

Mas no fundo eu sei que pelo menos estou mais saudável e pelo menos o T.A. está sob controle. Mesmo que eu nunca mais vote a ter 40 e poucos quilos, sei que gorda eu nunca vou ser e que sempre vou almejar ficar abaixo dos 60kgs.

Gostaria de diminuir a cafeína ainda mais. Quando estava grávida eu não tomei café. então sei que posso me manter longe da cafeína. Sei que posso.

Eu já estudei bastante hoje de manhã e tomei café sim: duas xicaras, mas não vou tomar mais. Eu vou trabalhar no hotel, levarei meu material do curso que vou ministrar amanhã para poder me preparar mais um pouco e nas horas vagas vou ler. Estou meio nervosa, mas isto passa.

sexta-feira, 4 de abril de 2014

Conte calorias, se exercite, mas não espere milagres!




Minha filha está toda feliz que é o fim de semana! Eu estou me preparando para trabalhar o fim de semana todo! Tenho levado algo para comer no hotel sempre que estou trabalhando lá.

No meu outro emprego como tradutora intérprete, eu lancho lá o que eles tem. Como sempre, o mesmo disfarce para não ser vista mastigando e comendo. É um sentimento muito estranho porque quando eu como pouco, todo mundo fica falando: ''Mas você já é magra, pode comer mais.''

Pelo menos hoje, na hora da comida, eu consegui pegar apenas um pedacinho de pão com um pedacinho de carne em cima e tomei 3 copinhos pequenos de suco.

Esta semana eu me movimentei mais que há muito tempo. Eu trabalhei muito, andei muito e fui á academia e fiz aulas, coisa que eu estava sentindo muita falta.

A dica que eu sempre dou para todas que lêem meu blog: MOVIMENTO É A CHAVE DE TUDO!

Eu e minha melhor amiga costumávamos sair para as baladas quando éramos jovens e solteiras e ela comía bastante e dizia assim: agora eu vou para o meio do salão e bailando eu queimo todas as calorias que comí!

Na teoria daria certo se ela contasse as calorias. Eu tenho feito isto há anos: conto calorias e tento manter um equilíbrio entre o que entra e o que sai.

No site http://caloriecount.about.com/  eu sempre encontrei as quantidades de calorias dos alimentos e as quantidades de calorias que levamos para queimá-las.

Eu em 2005, pouco antes de engravidar, fiz um regime por minha conta mesmo: comia no máximo 1500 calorias por dia e queimava 1800 no mínimo (fazia de 3 a 4 aulas de ginástica por dia!). Nesta época eu dava aulas a noite e o dia inteiro eu tinha livre, então malhava muito. Foi antes da minha filha nascer.

Para meu espanto total: eu de 63.5 fui a 63.8kgs. Isto mesmo: ENGORDEI fazendo de 3 a 4 aulas de ginástica por dia e comendo menos que gastava.

Eu comia SALADAS, TUDO COM POUCA OU NENHUMA GORDURA, POUCAS CARNES VERMELHAS, ME LIMITANDO AOS DOCES APENAS DAS FRUTAS EM QUANTIDADES PEQUENAS...

Meu metabolismo não funciona da mesma forma que o de uma pessoa normal. Quando descobrí isto comecei a adaptar minhas dietas ao meu estilo de vida e a fazer SF days quando conseguia e a tentar os NF quando conseguia e a não mais querer acreditar totalmente que uma dieta que funciona pra um vai funcionar para o outro.

Só tentando para ver os resultados e depois fazer a sua própria escolha.

Cuidar dos filhos também toma muita energia, fazer trabalhos em casa, trabalhos físicos, andar bastante.... Não é só academia que é exercício.

Bom fim de semana para todos que lêem meu blog! Estava aqui com minha filha e ela me desenhando mais uma vez. Então eu e ela olhamos umas fotos antigas dela bebezinha mamando e eu postei uma no início deste texto e coloquei fotos recentes também. Minha filha é a razão do meu sorriso a cada dia. É a primeira pessoa que vejo de manhã ao abrir os olhos e aúltima que vejo a noite antes de dormir :-)

Então sempre vai ter muita coisa sobre ela neste blog :-)

Quem acompanha desde 2008 com certeza a viu bebezinha e agora está vendo o progresso dela através dos anos :-)

A dieta, a vida... a vida, a dieta... Tudo isto faz parte, gente!


quinta-feira, 3 de abril de 2014

Off topic, Melissa Real Housewives, stripper or bikini club?

Estou assistindo episódios de Real Housewives of New Jersey, onde Melissa é acusada de ser stripper, mas ela diz que trabalhava em um bikini club! Alguém aqui acompanha estes seriados? Eu adoro reality shows. As mulheres estão todas em forma, malham, fazem cirurgias para ficar estilo Barbie! KKKKKKKKKKKK É muito interessante! Elas são donas de casa, mas a gente não as vê limpando uma cozinha!

https://www.youtube.com/watch?v=Ud1QmrZMgAY

quarta-feira, 2 de abril de 2014

Comida não é um bom consolo, Laxantes emagrecem e destroem, vontade de comer ou fome? etc

Este último mês foi bastante decisivo em minha vida. Eu consegui novas oportunidades de trabalho e tentei de diversas maneiras melhorar minha vida. Talvez as pessoas ao meu redor não tenham tido a perspectiva que eu tive. É bem possível que achem que eu estou piorando e não melhorando. Mas, o que realmente importa é que eu sei que estou melhorando.

A normalidade da vida de um ser humano inclui altos e baixos. Não existe alguém neste mundo que possa dizer: em toda minha vida só tive sucessos!

Eu vejo no mundo do emagrecimento aqui nos blogs muitas pessoas que perdem 20, 30, 40, 50 kgs e de vez em quando dão umas ''tropecadas'' e ganham uns quilos de volta. Depois percebo que elas tem a coragem de postar em seus blogs que estão tentando voltar a emagrecer. Estas tem mais possibilidades de retornar ao peso desejado do que as que desaparecem dos blogs com vergonha de falar para nós que engordaram de novo. Falhar não é vergonha, permanecer no erro e tentar enganar a si própria é o que torna uma mulher ainda mais deprimida. Não só ela vai ficar deprimida porque engordou, mas ficará ainda mais deprimida porque sabe que está tentando escapar dos seus problemas com a comida.

 É necessário sentir aquele momento em que você pegou um pacote de biscoito recheado de chocolate sem estar com fome, apenas por querer ''comer por comer'' e apenas por querer distrair a mente com a comida ao invés de sentir a dor de alguma perda, a dor de algum problema em sua vida.

Os sitcoms americanos mostram cenas em que os personagens que terminaram com seus namorados, maridos, etc. se sentem chateados e tristes e pegam logo um sorvete pra comer. Um exemplo disto é FRIENDS. No episódio The one with the metaphorical tunnel, Chandler está em uma crise de relacionamento com Janice e Monica e Rachel dão sorvete pra ele. Esta ''cultura'' de comer pra esquecer, comer para se consolar... me irrita muito.

Comida não deve ser consolo. Encher o estômago de comida vai trazer as consequências de uma tristeza e uma culpa imensa futuramente e tornar ainda mais graves os sintomas do seu T.A.

Pense nisto antes de pegar o próximo pacote de biscoitos, a próxima barra de chocolate, a próxima caixa de bombons, os próximos Big Macs, a próxima pizza gigante para fingir que ia comer com os amigos e comer sozinha escondido.

Eu não vou negar que já comí sem ter fome, apenas pela ''vontade de comer'' e depois me sentí péssima.

Nem todos os laxantes do mundo vão curar a culpa.

Eu nunca vomitei sob comando. Nunca fui bulímica.

Mas depois de comer, bateu muita culpa e eu já tomei laxantes pensando em psicologicamente eliminar um pouco da culpa por ter comido. ESTE É UM HÁBITO HORROROSO. Tomar laxantes em excesso pode diminuir seu peso, mas além disto ele destrói a flora intestinal e pode causar sérios prejuízos.

É tão prejudicial quanto vomitar.

Precisamos buscar um auto controle em hábitos mais saudáveis. Sei que é difícil, mas todo dia temos que tentar iniciar uma nova jornada: dia novo, vida nova.

Mesmo que seu dia anterior tenha sido uma BOSTA AZUL.

Acorde no dia seguinte e reinicie o processo: hoje será um dia melhor. A comida não será meu consolo, o meu equilíbrio está na coragem para mudar os hábitos que me destoem. 


Eu tive uns dias horríveis de chorar muito sozinha e mostrar um sorriso para o resto do mundo porque eles não entendem os meus problemas. Só existe uma pessoa que me conhece mais que o resto do mundo, mas nem sempre posso contar com esta pessoa, então eu me viro sozinha. Mas me recuso a buscar consolo na comida e recomendo a todos lendo este post que tentem não fazer isto: comida não é consolo é uma arma destruidora.
Postando do telefone.hoje fiz aula de body pump, step,abdominal e depois camihei.estou um pouco melhor que ontem ,mas quero chegar ao ponto de respirar aliviada e sentir que minha vida esta  ordem em todos os sentidos.


sexta-feira, 28 de março de 2014

Rindo para não chorar



Caminho todos os dias. Aqui na Noruega não tenho carro. Eu uso minhas pernas muito mais do que quando vivia no Brasil de carro pra baixo e pra cima. Eu e minha filha temos muitas atividades juntas todos os dias e com isto eu me mantenho sempre ativa.

Hoje nós passeamos bastante. Ela está até cansada de andar. Vai tomar banho, fazer dever de casa e vamos dormir. Eu seguro a mãozinha dela todas as noites até ela dormir. As vezes ela se assusta com meu ronco a noite, especialmente estes últimos dias porque eu estava gripada.

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Estou blogando mais nos últimos dias por razões que eu não posso explicar.

Mas posso dizer que este ano eu pretendo ter mais posts que no ano passado.

Sobre dieta eu sempre falarei um pouco, mas a minha vida as vezes toma conta dos posts. Me perdoem as pessoas que entram só para pegar dicas de emagrecimento, mas vocês vão esbarrar na minha vidinha aqui na Escandinávia no meu blog :-)

Eu fiz 340 abdominais hoje e caminhei cerca de 2 horas. Subi escadas e carreguei minha filha durante exercícios de agachamento. Quando ela era bebê eu fazia isto e ela adorava. Tinha um vídeo no youtube no meu www.youtube.com/safiwantstolive  mas acho que acabei retirando por causa dos stalkers.

Fazer exercícios acompanhada dos filhos é como a mamãe do ano 2000 em diante se mantém ativa sem poder usar os filhos como desculpa! kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Estou rindo pra não chorar, minha alma está em lágrimas :-(

Fotos de antes e depois do emagrecimento, o bê a bá de emagrecer e aquilo que sempre falei nos últimos 6 anos

Vou falar a verdade: eu me inspiro muito mais numa pessoa normal perdendo peso e ficando com um corpo ''normal'' do que olhando a foto de uma mulher perfeita, que foi feita a pincel por Deus tipo uma super modelo. Eu acho-as todas lindas e gosto de ver as fotos e admirar, mas sem ficar olhando e achando que eu algum dia vou ser igual. Conheci aqui nos blogs muitas pessoas que postaram fotos de si mesmas e seus antes e depois. Estas eu sempre aplaudí e sempre fico feliz em ver quando elas mostram uma foto do ANTES e falam assim: ''eu já fui assim, quero voltar a ser assim''.

Esta Norueguesa da foto eu achei numa página de FACEBOOK sobre emagrecimento e ela diz ter perdido 13 quilos em 4 semanas com uma dieta balanceada e exercícios de 3 a 4 vezes por semana. Em sua grande maioria, as mulheres que perdem peso desta forma tem mais chance de manter o estilo de vida no futuro do que as que perdem de uma forma extrema e se privam de tudo porque um dia vão sentir falta de certas comidas e vão CHUTAR O PAU DA BARRACA.

Falar é tão fácil!

Estou há quase 6 anos com este blog falando de tudo isto. Creio que pelo menos eu posso me orgulhar de uma coisa: estou em boa forma física e mesmo com o peso flutuando entre os 50 e poucos e 60 e poucos nos últimos anos, eu nunca fiquei fora de forma. Tenho disciplina com exercícios.

Eu vou continuar admirando pessoas como a da foto que postei hoje. Também vou continuar admirando quem nunca abandona o sonho de ou adquirir o corpo que quer ou de VOLTAR ao corpo que já teve.

Todas vocês estão de parabéns. Sim, vamos olhar as meninas thinspo, vamos admirar as modelos, mas sempre nos valorizando e valorizando pessoas como esta norueguesa da foto que perdeu peso de uma forma tão racional e que eu gostaria tanto de ter a disciplina para fazer: reeducacão alimentar aliada ao exercício.

quinta-feira, 27 de março de 2014

Deciões, escolhas, estradas não trilhadas

Quem observar esta foto direitinho, vai ver um pinguinho de pessoa lá no fundo: é minha filhinha. Todos os dias eu a levo pra escola, eu a levo até uma parte do caminho e ela pensa que está caminhando sozinha até a escola por este caminhozinho aí. Eu vou seguindo a Skyler de longe, mas numa distância suficiente para sair correndo e alcancá-la caso haja necessidade. Muitas outras criancinhas da mesma idade vão sozinhas sem supervisão. Lá na frente, ampliando-se esta foto, pode-se ver o resto da meninada. Mas ainda ssim eu continuo seguindo Skyler para a escola. É uma medida de seguranca que eu como mãe me decidi a tomar e vou continuar.

Vendo esta foto eu me lembrei das estradas como metáforas para escolhas e deciões que tomamos. Sempre existe mais de um caminho para chegarmos a algum lugar. A mesma coisa acontece com as dietas. Muitas meninas optam por perder um ou dois quilos por mês e a longo prazo com muita responsabilidade irem perdendo seu peso.Outras optam por perder mais peso em tempo record o que pode as vezes levá-las a engordar de novo. As escolhas são como os caminhos. Se escolhermos o itinerário que nos leva a um determinado local em menos tempo podemos ter muitas vantagens com isto, se escolhermos um itinerário mais longo, podemos nos atrasar.

Eu estou pensando muito nisto tudo porque no Brasil eu tenho medo de engordar. Ontem falei sobre comer na frente dos outros. Hoje estou falando de escolhas. Sei que quando estiver com meu irmão, ele vai querer me levar pra jantar, para conhecer os lugares em Belo Horizonte onde eu nunca fui. Vai ser difícil fazer a escolha certa e não comer certas coisas. Sabe como é família, né? ''Come, é só hoje! Não vai engordar!''

Escolher com sabedoria significa não olhar para as estradas não trilhadas com arrependimento.

Aquele amor que você deixou ir embora, aquele emprego que você largou para ir em busca de amor, aquela torta de chocolate que você comeu ao invés de comer uma pêra, aquele tapão que você deu no seu alarme e voltou pra dormir, se atrasando e depois tendo que tomar um ônibus lotado, etc... São decisões.

A vida é feita de decisões.

Robert Frost escreveu este poema do qual eu achei uma traducão e vou publicar aqui no blog em Português para que mais pessoas possam ler:

A estrada não trilhada
Num bosque, em pleno outono, a estrada bifurcou-se,
mas, sendo um só, só um caminho eu tomaria.
Assim, por longo tempo eu ali me detive,
e um deles observei até um longe declive
no qual, dobrando, desaparecia…
Porém tomei o outro, igualmente viável,
e tendo mesmo um atrativo especial,
pois mais ramos possuía e talvez mais capim,
embora, quanto a isso, o caminhar, no fim,
os tivesse marcado por igual.
E ambos, nessa manhã, jaziam recobertos
de folhas que nenhum pisar enegrecera.
O primeiro deixei, oh, para um outro dia!
E, intuindo que um caminho outro caminho gera,
duvidei se algum dia eu voltaria.
Isto eu hei de contar mais tarde, num suspiro,
nalgum tempo ou lugar desta jornada extensa:
a estrada divergiu naquele bosque – e eu
segui pela que mais ínvia me pareceu,
e foi o que fez toda a diferença.
#Tradução: Renato Suttana*