WHO IS ANNA WILLIAMS?

BEFORE YOU READ: THIS IS NOT A PRO-ANA OR PRO-MIA SITE. HOWEVER, I DO RESPECT AND OFFER COMFORT AND SUPPORT TO THOSE WHO SUFFER FROM THOSE EATING DISORDERS. THIS BLOG IS ABOUT MUCH MORE THAN JUST FOOD AND WEIGHT ISSUES. ANTES DE LER: ESTE BLOG NÃO É PRO-ANA OU PRO-MIA. NO ENTANTO EU RESPEITO E OFERECO CONFORTO E APOIO PARA AS PESSOAS QUE SOFREM DESTES TRANSTORNOS ALIMENTARES. ESTE BLOG É MUITO MAIS QUE APENAS UM BLOG SOBRE COMIDA E PROBLEMAS COM PESO.

WHO AM I?

My internet name is ANNA WILLIAMS: a tribute to my best friend in middle school, whose name is ANNA and to women I admire and my dad admired (he passed away in 2003) : Serena Williams, Venus Williams and Vanessa Williams (the first two are tennis players, the latter is an actress, but she is also a singer and she lost her title as Miss America for ludicrous reasons. Yes, they're all black women. No, I'm not related to them, neither do I even look like them. They are all amazing in their own way, but I AM WHAT I AM, my own special creation. I look like my mom, dad and family members)
I am a 44-year old woman who has lived in 4 different countries(USA,Australia,New Zealand, currently in Norway)learned 5 languages besides her own (Spanish,English,Norwegian,Swedish and Danish)and has enjoyed a little bit of modeling, lots of traveling, heaps of teaching and learning... I am educated as an EFL and ESL teacher and I have a Masters in Education in English Literacy. I am Brazilian: a mixture of Polish, Indigenous Brazilian and Black Brazilian. I am a person, not a color.
Modeling was just a hobby. I was NEVER a super or top model. I don't even fit the characteristics. I am 5ft4 - 5ft6 (not sure because I've been measured several times and I come out looking taller or shorter depending on where I am measured. I'm ALWAYS MEASURED WITHOUT SHOES , so it's not that) While modeling I weighed 96 - 137 pounds and ironically enough got more jobs when I was at the heaviest end of the scale. I was NEVER FAT, but I do have a latent eating disorder. Don't try to understand me. If you read this blog you will realize it's about my relationship with food and also about who ANNA WILLIAMS is. My alterego, my internet persona who helps me cope with everyday situations. I spend 99% of my time with my daughter. I leave www.vaughnlive.tv on as background noise when I'm at home and in between chores sometimes I browse through channels and even talk to people, but my main occupation is MOM:-)I have 4 jobs: translator, professor, teacher and writer. I translate documents and courses for a firm in the city where I live in Norway. I am a professor at an institution of higher education where I lecture Literature written in English Language and I teach languages there also. I teach 8th,9th and 10th grade Spanish and English at another place. I write articles regarding grammar in the English Languages for the same language institute I already mentioned. Although I'm still under contract at the hotel as an ''extra'', I haven't worked there at all since November 2014 and I don't see myself going there as often anymore because a subsidiary of the Language Institute I work for has hired me to teach Business English in firms. I'm very busy these days. I never used to broadcast for that long anyway, now I broadcast for even shorter amounts of time.

If you like me and want to see my videos go to my youtube channel www.youtube.com/safiwantstolive and also follow my vaughnlive.tv channel www.vaughnlive.tv/anna_williams . I am not a porn star, stripper or any other kind of sexually oriented professional. None of my ''shows'' are sexual. If you interpret them that way, you're a fucking loser.

It's ok if porn stars want to make money that way. I respect them as I respect strippers, but I am not and never have I been in those professions. I was a model for a while and I am highly educated, never needed to struggle for money because my parents in Brazil supported me financially. My father was an engineer who went to university for 6 years, my mother is educated as a teacher and they gave me the best upbringing a person can have.

Yes, I wear tiny clothes and bikinis. My Brazilian culture allows me to do that in a natural way and it really doesn't have anything to do with sex. Again, if you think it does, you're a loser.

I also do shows on battlecam, none of them are sexual either. People who masturbate to random women who are moving around in a non-sexual way and singing on the internet, whether they are in a bikini or in regular clothing are mentally disturbed. That's just my opinion.

I don't need or want your attention, to be perfectly honest with you: my least favorite part of all channels (tinyshit, jtv, battlecam, etc) IS THE CHAT ROOM. People either suck up too much or they insult you. There are very few nice/regular people to talk to. I don't like small talk, my shows are my time to express my creativity. People who come in with ''Hi, Anna! How are you today?'' sometimes don't realize that. There are days when I just sit there and talk to people, but there are broadcasts that are like lectures in which I will only be talking and not really interacting with chat as much.
I don't mean to be rude, but once my presentation is flowing I don't want to stop to make chit-chat in the middle of it.

The third season of my show, HOWEVER, was ALL FOR THE FANS. I HAVE BEEN CHATTING MORE AND DEDICATING MORE TIME TO THE CHATTERS, VIEWERS AND FANS WHO CARE ENOUGH TO FOLLOW ME ON THE INTERNET THROUGHOUT ALL DIFFERENT STREAMING SITES:-)

The fourth Season of my show was a turbulent one: I stopped talking to people altogether, went for 8 months without doing a bikini show and almost ruined everything that I had built as a broadcaster since 2008-09.

This year (2015) I am doing the 5th season of my show and I am back to my roots as a caster, but there is no trolling or guest chat allowed. I have had trolls and guests on my channels before, both on jtv and on vaughn. On Battlecam I have already heard every single possible form of insult a person can hear. There's nothing new. The trolls and guests are repetitive, they disrupt the chat and I am not interested in what they have to say. I have already heard it all. I'm not afraid of them or upset by them. I just refuse to give these idiots a platform to be bullies on the internet just because their real lives suck so much.

I am on vaughn and battlecam almost daily for at least a quarter of an hour up to an hour and a half. Fortunately or unfortunately for me, I do not have 6-8 hours at my disposal to broadcast. I think it's great when folks do that and they enjoy themselves. Broadcasting has to be fun! I just do it for shorter periods of time. When you see me, come in! I will be gone soon and you will be able to go back to your favorite casters :)

This is my blog about initially eating disorders, but it grew into something more complex. I hope you enjoy reading it!

www.battlecam.com/the_real_anna_williams

SIGLAS

SIGLAS QUE EU USO MUITO NOS MEUS POSTS
LF low food (literalmente ''baixa comida'' - pouca comida)

NF no food (literalmente ''não comida'' - nenhuma comida)
SF days semi fasting days (literalmente '' dias de semi-jejum) Este eu tive que inventar porque como eu não fico 24 horas sem comer, não tenho permissão das hardcore anas para usar o termo NF:-) risos*
RA Reeducacão alimentar
TA Transtorno alimentar
AF Atividade Física

ANNA WILLIAMS ON TWITTER

De onde estão lendo o meu blog?


contador de visitas

terça-feira, 30 de agosto de 2016

NÃO EXISTE EMAGRECER COMENDO

Estou de saco cheio de ''gente normal'' me dando conselhos achando que entende meu t.a., achando que sabe o que eu sinto e me dizendo :''ah, eu também sou assim.'' quando na verdade estas pessoas não tem a mínima idéia do que é um transtorno alimentar (t.a.).

Depois de muitos anos entre 40 e poucos e 60 e poucos quilos num frame de 165-66cm de altura, dietas, remédio pra emagrecer e sempre MUITA GINÁSTICA, desde 1992 até agora meu corpo passou por muita coisa, inclusive uma gravidez.

Em nenhum momento eu fui gorda, obesa ou gordinha.

As únicas pessoas que ousaram me chamar de cheínha tinham este direito por serem anorexicamente magras. Comparada a elas até uma pessoa de 40-55 quilos é gordinha.

Mas no mundo real eu não sou cheínha, sou uma mulher de peso normal e entre as duas vertentes que dizem GORDA OU MAGRA, EU SOU MAGRA E PONTO FINAL.

GORDA, NÃO.

Eu quero emagrecer muito mais a ponto de não haver lugar algum para que digam que sou gordinha.

Mas está difícil pra caralho.

Difícil porque eu não tenho conseguido ficar totalmente sem comer por mais de 17-18 horas e eu vou precisar de muito mais que isto durante alguns dias para ver algum efeito imediato.

NÃO EXISTE EMAGRECER COMENDO.

Pode existir pra muita gente, pra mim não.

domingo, 28 de agosto de 2016

Gorda, não!

Em 2014 quando estive na Dinamarca, eu estava mais magra e estava com  um pensamento diferente no que diz respeito á minha vida. Eu achava que tudo ia se resolver da melhor maneira possível, que hoje dois anos mais tarde eu estaria plenamente feliz e sem tanta angústia.

Eu olho fotos antigas e sempre percebo duas coisas: como eu estava me sentindo e quanto eu estava pesando.

Quem tem T.A. vai entender.

A gente pensa num ponto no tempo e a primeira coisa que vem á cabeca é: eu estava bem mais magra ou ''cruz credo, como eu estava gorda naquela época.''.

Algumas vezes olhamos fotos com nostalgia. Outras vezes olhamos querendo rasgar e esconder todas as fotos da fase gorda como fez Nicole Richie. Se vocês procurarem fotos dela da fase gorda, não vão achar. Só vão achar fotos dela em sua grande maioria depois que ela ficou magérrima, ficou anoréxica um tempo e depois ficou magra ''normal/aceitável pela sociedade''.

Eu estou com 60 e poucos e pra mim é muito, mas na vida real eu sei que as mulheres com 70-75 kgs se consideram magras.

Mesmo tendo a mesma altura que eu elas batem no peito e se dizem magras. Eu tenho uma conhecida assim. Ela teve um filho e eu tenho certeza que antes de tê-lo ela pesava uns 60 e poucos, engordou horrores, foi a 90 kgs na gravidez e depois ficou com 70 e poucos e batía no peito dizendo: Estou magra, perdi todo o baby weight.

ENtão eu sei que comparada á média eu estou magra, mas vou continuar lutando para ficar mais magra.
Eu estou fazendo fisioterapia porque minha lombar está doendo demais, estou com problemas nas pernas... mas parar de malhar nem pensar. Fazer fisioterapia e adaptar os exercícios sim. Não tem desculpa pra ficar gorda, comendo igual a uma porca baé. Gorda, não!

Parabéns, Ginger, pela perda de peso! /Congratulations, Ginger, on your weight loss!


terça-feira, 23 de agosto de 2016

Lia, Coca Zero, Thalita, Bridget Jones, Lih...

Eu iniciei este blog em 2008 e naquela época eu não postava fotos minhas, As fotos que eu colocava eram fotos tiradas da internet. Depois de algum tempo me sentindo bastante limitada sem a opcão de falar de certos assuntos abertamente sem mostrar a cara eu resolví postar fotos.

Acho incrível que o tempo passou, mas algumas das pessoas que blogavam na época ainda estão blogando.

Outras iniciaram e pararam.

Muita gente chega com toda a fome de perder peso, trocar experiências, conhecer pessoas neste mundo de blogs e ''aprender a ser anoréxica'', afinal ''Como elas conseguem ficar assim na pele e no osso? Eu também quero! Vou ler o que elas escrevem e vou aprender!!!!''... Isto ocorre no início e depois de semanas, alguns meses talvez percebem que não é bem assim.

Na verdade, a pessoa não escolhe ter um t.a.

Quem tem um T.A. e vive contando calorias, tentando queimar tudo o que comeu, se arrependendo do que comeu, sem conseguir ter um relacionamento legal com a comida, sanfonando (perdendo 20 kgs e ganhando 25, perdendo 25 e ganhando 40kgs...) e muitos outros comportamentos, atitudes e circunstâncias pertinentes a quem tem T.A. não pediu a Deus pra ser assim. Ninguém acorda um belo dia e fala :''Acho que eu quero ser obesa.'' A obesidade e a anorexia podem parecer pólos muito distantes, mas o mindset das pessoas com os dois tipos de T.A. é o mesmo. A pessoa não tem equilíbrio.

No entanto ( e todos meus posts tem um ''no entanto''),  não significa que uma mulher de aparência e peso ''normais'' não tenha um T.A.

As mulheres citadas no título deste post são todas mulheres que conhecí através destes blogs sobre emagrecimento e T.a.

Muitas de nós as vezes falamos de outros assuntos e compartilhamos nossas vidas aqui nos blogs.

Eu estou feliz de que algumas de vocês ainda estejam blogando.

Não se preocupem com os posts que parecem estranhos. Há uma razão e uma defesa por trás de cada post e um dia quando eu estiver livre das circunstâncias que me impedem de falar abertamente pode ser que eu tenha coragem de me abrir e me explicar.

De médico e louco todos nós temos um pouco, então eu não me incomodam de mostrar um lado pouco ortodoxo, bastante unique que nem todos entendam e de uma certa forma mostro que mesmo a pessoa mais cordata do mundo pode ser rude um dia se ''mexerem com ela''.


domingo, 14 de agosto de 2016

Biquínis são para todas que querem usar. A sociedade tem muito preconceito.


Education is freedom, a perda de um amor, heartbroken, trabalhando e vivendo por Skyler e um futuro bom pra ela como foi o meu passado

Este é o castelo real em Oslo. Em 2014, mais precisamente em Julho de 2014 eu fui á Dinamarca e no caminho de volta a parada foi em OSLO. Trondheim-Oslo /Oslo- Copenhague .

Toda viagem tem paradas. Quanto mais paradas, mais barata custa a viagem. The more stops there are, the cheaper the trip. Eu sempre pensei que todo mundo soubesse disto. Eu crescí privilegiada viajando desde 6 anos para os EUA e ao redor do Brasil.

Meu pai e minha mãe foram educados nas melhores instituicões institutions de educacão education no Brasil. No Brasil, EDUCATION IS FREEDOM é um slogan que realmente mostra uma realidade.

Quem vai a escola pode criar um futuro melhor. Meus pais sempre tiveram dinheiro, eu sempre tive tudo de bom na vida. Nunca fui pobre, nunca viví na miséria dos meninos de rua retratados pelos filmes que os gringos gostam de fazer sobre o Brasil. Por causa destas bostas destes filmes eu sou sempre indagada sobre pobreza e não tenho a experiência para relatar.

Eu já viajei por vários países do mundo, falo 6 idiomas, vivo na Noruega há 14 anos e tudo isto foi por causa de ESTUDOS. Eu nunca viajei pra lugar nenhum pra buscar uma vida melhor como os brasileiros achincalhados por Marcela Tavares que foram para os EUA lavar privadas, que é um trabalho muito digno, mas que é mal visto pelas pessoas. A minha sorte foi nunca ter sido pobre e por isto eu vou continuar seguindo meu caminho dando um futuro ainda melhor pra minha filha. Se eu tive 10 ela terá 100. Ela nasceu em um país rico, tem nacionalidade Norueguesa e terá todos os benefícios. Sacrifício que eu fiz por ela foi parir aqui.

Estou ainda sofrendo por amor, mas eu sei que vou sofrer ainda mais vendo o que eu não quero ver, tenho que continuar focalizando minhas energias nos cursos que tem uma forte conexão online. Já fiz vários vídeos profissionais educativos que estão na página da escola. Vou vencer e Deus vai me levar pra onde eu devo ir, seja onde for, com o u sem o amor da minha vida, eu acho que eu realmente o perdí, mesmo estando no mesmo lugar, eu já o perdí há muito tempo. Se a culpa foi minha, de repente eu merecí.


sábado, 13 de agosto de 2016

Por que as gordinhas fazem ZUMBA todo santo dia e continuam gordinhas?, T.A. não tem cura, etc

Eu lí um artigo que achei na internet um dia destes onde a autora falava que exisstem razões simples que levam as mulheres a acharem que estão fazendo ginástica e vão emagrecer, mas permanecem gordas.

Uma das razões citadas pela autora foi que a maioria das mulheres dentro desta categoria de mulheres com sobrepeso que fazem ginástica e não emagrecem não conta calorias. Elas pensam assim:
''Pôrra, bicho! Malhei pra carAAALHO! Vou comer um lanche do MacDonald's. Não tem como eu engordar, eu malhei pra caralho!.''

O que acontece é exatamente o contrário: elas acabam engordando porque o lanche do MacDonald's as vezes tem 1000 calorias e a ginástica que elas fizeram só queima 500.

Outra razão citada foi o fato de que muitas vezes o número de calorias queimadas por exercício é super estimado. Quando as caboclas dizem :''Vem fazer Zumba! Queima 800 calorias por hora!'', elas estão se referindo ás caboclas que fazem a ginástica ''com vontade''. O que eu estou querendo dizer com ''com vontade''? Pisa forte, levanta mesmo o bracinho, pula de verdade, se esforce de verdade! Não adianta ficar fazendo ginástica  sem o vigor que o exercício necessita para queimar calorias. Senão ao invés de 800você vai queimar 200 ou menos.

Eu já sentei na bicicleta da academia com uma preguicite aguda do cacete certa vez e quando olhei o número de calorias queimadas durante uma hora percebi que havia queimado apenas 139 calorias quando com vigor e aumentando a carga da bicicleta eu poderia ter queimado 500. Mas na preguicite aguda eu fiz com carga frouxa e queimei menos.

Contar calorias, fazer exercícios com vigor e DIMINUIR MUITO A COMIDA são as formas de emagrecer com ginástica.

Infelizmente não é tão fácil como parece.

Sei que uma mulher com 150kgs vai querer me bater por dizer isto, mas eu com 60 e poucos quero emagrecer e não consigo porque é muito difícil. No entanto, não vou desistir de tentar, continuo fazendo muita ginástica e não vou desistir de me exercitar e de tentar parar de comer. Eu larguei, abandonei de vez as jujubas que eu gostava e parei de chupar picolé (ice cream on  a stick) que eu estava durante 3 meses todo dia comprando na academia antes de ir pro trabalho.

Eu hoje diminuí o refrigerante light (ele não engorda, mas não é saudável). Eu tomo um ou no máximo dois copos, antes eu tomava 1 ou 2 litros por dia. Hoje eu tomo 1 ou 2 litros de água.

www.caloriecount.com tem muitos produtos com seu numero de calorias. Eu visito todo santo dia.

Estou me reeducando, mas tenho um T.A. e de vez em quando bate o ''binge eating'', bate a depressãoe a vontade de comer alguma coisa que eu não devo, bate a preguicite aguda e depois a super compensacão.... Então é uma luta constante. Transtorno alimentar não tem cura, apenas manutencão.

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

LEcionar, ser mãe, me manter saudável, xenical, laxantes e remédios para emagrecer, microlax e outras historias


Eu no momento só tenho alunos adultos fazendo Mestrado ou pós graduacão, alunos que tem total disciplina e conhecimento de gramática e métodos para aprender. No momento estou trabalhando muito com vídeos educativos e um projeto para online teaching que eu espero tenha sucesso pois eu quero num futuro próximo ganhar dinheiro fazendo o que eu sei fazer: LECIONAR, sem sair de casa.

Hoje passei o dia inteiro com minha filha e estou debatendo comigo mesma se vou ou não pra academia porque esteve chovendo o dia inteiro. Eu subi e descí escadas feito uma louca para levar o lixo que tinha se acumulado em dois dias. Também reciclei mais de dois quilos de papel e papelão. Andei muito fazendo isto, mas não saí do conjunto de apartamentos pois os dumpsters de reciclagem ficam aqui mesmo.

Tenho feito abdominais, exercícios com pesinhos, alongamento e muito exercício especificamente para os tríceps e bíceps aqui em casa mesmo indo á academia. Com o DNA maldito de gorda eu sei que se eu parar de malhar e comecar a comer tudo o que eu quero eu vou ficar com 130 quilos quase igual a minha mãe, minha avó e minhas tias.

É um medo que eu sempre tive.

Não posso dizer que estou 100% feliz hoje, mas estou sentindo um certo alívio em relacão á semanas atrás quando minha filha estava cheia de HIVES.

Em 14 minutos eu tenho que me preparar pra sair e ir pra academia. Tenho que ser forte, não posso comer como uma pessoa normal ou me tornar sedentária como aquelas meninas magrinhas com 1.60m e 35kgs que não engordam. Pra chegar a um extremo destes teria de tomar remédios para emagrecer novamente, mas não vou fazer isto nunca mais. Nem laxantes eu não tomo. Faz séculos que não toco num laxante.

Nem aquele microlax que a gente enfia na bunda e faz cocô em questão de minutos e parece que evacua TUDO O QUE ESTÁ LÁ DENTRO. Era excelente para aquelas pesagens extremas quando eu tinha ido á academia, tirado leite dos seios com a bombinha e depois ido ao banheiro e ficado sem comer ou beber durante várias horas. Eu não recomendo porque se a pessoa exagerar pode ficar com anal leakage. Eu nunca quis ter isto e parei muito antes de ter. O mesmo acontece com o XENICAL.

Quero lecionar, ser mãe e se existir o amor verdadeiro que eu sinto, é o único que eu quero, senão eu prefiro terminar meus dias sozinha.